5 suplementos que podem ser substituídos por alimentos

Suplementação na atividade física hoje é quase que uma atitude rotineira na conduta de nutricionistas esportivos, na alimentação de praticantes e nas orientações de profissionais de educação física. Muitas polêmicas ainda rondam este assunto, como a real necessidade de sua utilização e até mesmo os altos preços dos produtos de qualidade comercializados no mercado, mas e se você pudesse substituir estas suplementações por alimentos da sua rotina? Quais você poderia utilizar?

1- Maltodextrina por rapadura

rapadura

A maltodextrina é nada mais, nada menos que um suco feito de açúcar. O que varia nela é só o sabor que você pode escolher para torná-la mais agradável a seu paladar. A rapadura é uma forma igualmente rápida, prática e barata de se obter energia antes ou durante uma atividade física, já que sua absorção é tão rápida quanto a do “açúcar líquido”.

2- Whey protein por leite desnatado ou queijo ricota

ricota

Algumas latas de whey protein podem ser extremamente caras, já que o preço varia de acordo com a pureza do produto. Eu sei e você sabe que a proteína do soro do leite isolada tem a absorção muito rápida, já que ela não tem gordura e quase nenhum carboidrato para comprometer a digestão, mas o que ela perde em valor nutricional para a proteína encontrada no leite ou no queijo ricota? Absolutamente nada. O leite desnatado e a ricota são constituídos exatamente de soro do leite, sendo fonte quase pura deste tipo de proteína. “Ah, mas a absorção é mais lenta porque não é isolado.” É verdade, mas esta lentidão não vai prejudicar sua recuperação muscular no pós-treino.

3- Cápsulas de ômega por abacate e castanhas

castanha

Alguns praticantes de atividade física e atletas tem optado por ingerir cápsulas de ômega 3, 6 e 9 para usufruir de seus efeitos oxidantes e benéficos para a nossa saúde. Mas porque pagar tão caro em um suplemento que pode ser consumido em abundância no abacate e nas castanhas? Além de mais barato, comer abacate e castanha é muito mais gostoso (e ainda te fornece minerais e vitaminas de brinde).

4- Isotônicos por água de coco

águadecoco

Existe uma grande polêmica em torno da necessidade, ou não, de utilização de isotônicos na alimentação de atletas ou praticantes de atividades físicas. Não é nosso mérito discutir este assunto aqui, mas podemos afirmar que se você gosta de fazer uso destas bebidas durante e após o treino, mas está insatisfeito com os valores praticados (ou com o fato de ser industrializada), que tal optar por testar a água de coco? Esta bebida é considerada um isotônico natural, por ser rica em minerais e carboidrato que são perdidos durante um período de exercício.

5- Cápsulas de termogênico por café ou guaraná

guaraná

Eu, pessoalmente, sou contra o uso de termogênicos para se praticar uma atividade física. Isto é uma opinião puramente individual. De qualquer maneira, se você está procurando algo que aumente seu estado de alerta e te motive mais a praticar uma atividade física, mas não está disposto a tomar cápsulas industrializadas, já tentou se estimular com uma xícara de café ou um copo de suco de guaraná? Estas duas bebidas são a base de produção da grande maioria dos termogênicos consumidos por você.

E ai? Gostaram das substituições? Não gostaram? Conhecem outras alternativas melhores? Deixe seu comentário!

escritopor2marina

Suplementação Nutricional/Doping no esporte

 images (1)

Estamos vivendo uma epidemia. Nas academias de ginasticas e centros esportivos não se fala em outra coisa. Os suplementos invadiram o universo da atividade física e as discussões sobre o assunto são inevitáveis. Promessas de ganho muscular, aumento da performance, aumento da força, fortalecimento do sistema imunológico, através do uso destes produtos, vem como conselhos de companheiros de treino ou de profissionais que trabalham na área. Muitos são os motivos que levam os indivíduos a iniciarem uma suplementação, porém a ação proposta não pode ser justificada – a grande maioria ainda não apresenta comprovação científica segura.

Quando se trata de suplementos nutricionais, somente médicos e nutricionistas podem indicar o uso e, assim mesmo, de forma empírica. Já a indicação do uso de drogas e hormônios para aumentar ou favorecer a hipertrofia ou a prática de atividade física, considerada doping, não é somente um problema ético, mas também pode ser classificado como crime.

suplementar-no-final-de-semanaDevemos lembrar também que a entrada dos suplementos nutricionais no mercado não são controlados rigidamente e muitos contém substâncias não assinaladas nos rótulos, inexistência de informação sobre os efeitos dos mesmos e ainda podem estar contaminados intencionalmente ou não com substâncias proibidas pela Agencia Mundial Antidopagem. Quem viu a reportagem do fantástico no dia 24/08/2014 (quem não viu clica aqui) está ciente da falta de fiscalização no controle dos suplementos. A responsabilidade do consumo de um suplemento contaminado é sempre do atleta.

Os agentes ergogênicos são aqueles que, através de efeito fisiológico, nutricional ou farmacológico que seja capaz de melhorar o desempenho tanto nas atividades físicas quanto ocupacionais.

Agentes ergogênicos fisiológicos: incluem todo mecanismo ou adaptação fisiológica para melhorar o desempenho físico. Um bom exemplo disso é o aumento dos glóbulos vermelhos na adaptação à altitude.

Agentes ergogênicos nutricionais: são caracterizados pelo consumo de nutrientes estratégicos, muitas vezes consumidos em doses muito acima do recomendado. Para se ter uma ideia, um questionário que envolveu 100 atletas, constatou que 84 deles faziam uso de diversos tipos de suplementos para melhorar a performance. O único suplemento que tem efeito ergogênico comprovado cientificamente é a creatina (porém seu consumo só pode ser realizado mediante prescrição da nutri).

dopingAgentes ergogênicos farmacológicos: os mais conhecidos e consumidos são os esteroides anabólicos. Infelizmente quanto mais atletas fazem uso dos esteroides, mais indivíduos comuns acreditam que o exercício só tem resultado se estiver associado a algum recurso ergogênico.

Os abusos cometidos, na utilização de qualquer tipo de agente ergogênico, são frequentemente relatados na mídia por suas consequências: edemas, intoxicações, hipertensão arterial, aumento do LDL colesterol, diminuição do HDL colesterol, alterações de humor e sono, alterações das funções hepáticas e aumento da agressividade.

Se você é praticante de atividades físicas frequentes, provavelmente já viu ou já lhe foi oferecido testar algum tipo destes produtos. Tenha cuidado e saiba exatamente o que está usando.

escritopor2gabriela

 

 

Sorvete de Whey pode?

foto

Para quem mora em Belo Horizonte, o sorvete de Whey da Time4 é uma novidade e já gerou um grande alvoroço com sua chegada. Eu já tinha experimentado antes e confesso que no quesito sabor, não deixa nada a desejar, pelo contrário é bem gostoso.

Devido ao baixo teor de gordura e alto teor de proteína o produto está sendo procurado por frequentadores de academias que adoraram a novidade. Como muitos tem me perguntado a respeito do famoso sorvete de Whey, resolvi falar um pouquinho sobre ele….

Escolhi o de chocolate, porque é o que eu mais gosto:

foto 3De acordo com o rótulo do produto, podemos concluir que é um produto com baixo valor calórico, baixo percentual de gordura, rico em fibras e boa quantidade de proteínas e cálcio. Porém ao se tratar do sódio, fiquem alerta! 92mg de sódio em 60g de produto é um tanto alto.

Analisando os ingredientes, vemos muitos “antes” “ideos” e “oses”. São compostos que a indústria alimentícia usa para suprir a falta de açúcar e gordura e ainda assim deixar o produto com sabor e textura agradável.ao paladar.

Quando comparamos com um sorvete comum…

sorvete_prestigio_pote

INGREDIENTES:
Água, açúcar, xarope de glicose, leite em pó desnatado, pasta de cacau, cacau em pó, extrato de malte, sal.
ADITIVOS QUÍMICOS:
gordura vegetal, aromatizantes, espessante goma jatai, goma guar, carragena, estabilizante mono e diglicerídeos de ácidos graxos, polisorbato.
CONTÉM GLÚTEN.

Muitos “antes” e ainda gordura vegetal né…

Então, com base no rótulo dos dois produtos, quando der aquela vontade de tomar um sorvetinho, pode optar pelo de Whey, mas por favor, não consuma todos os dias somente pelo fato dele ser 0% gordura. Dê preferência aos alimentos mais naturais sem tantos “antes”.

escritopor2gabriela