5 suplementos que podem ser substituídos por alimentos

Suplementação na atividade física hoje é quase que uma atitude rotineira na conduta de nutricionistas esportivos, na alimentação de praticantes e nas orientações de profissionais de educação física. Muitas polêmicas ainda rondam este assunto, como a real necessidade de sua utilização e até mesmo os altos preços dos produtos de qualidade comercializados no mercado, mas e se você pudesse substituir estas suplementações por alimentos da sua rotina? Quais você poderia utilizar?

1- Maltodextrina por rapadura

rapadura

A maltodextrina é nada mais, nada menos que um suco feito de açúcar. O que varia nela é só o sabor que você pode escolher para torná-la mais agradável a seu paladar. A rapadura é uma forma igualmente rápida, prática e barata de se obter energia antes ou durante uma atividade física, já que sua absorção é tão rápida quanto a do “açúcar líquido”.

2- Whey protein por leite desnatado ou queijo ricota

ricota

Algumas latas de whey protein podem ser extremamente caras, já que o preço varia de acordo com a pureza do produto. Eu sei e você sabe que a proteína do soro do leite isolada tem a absorção muito rápida, já que ela não tem gordura e quase nenhum carboidrato para comprometer a digestão, mas o que ela perde em valor nutricional para a proteína encontrada no leite ou no queijo ricota? Absolutamente nada. O leite desnatado e a ricota são constituídos exatamente de soro do leite, sendo fonte quase pura deste tipo de proteína. “Ah, mas a absorção é mais lenta porque não é isolado.” É verdade, mas esta lentidão não vai prejudicar sua recuperação muscular no pós-treino.

3- Cápsulas de ômega por abacate e castanhas

castanha

Alguns praticantes de atividade física e atletas tem optado por ingerir cápsulas de ômega 3, 6 e 9 para usufruir de seus efeitos oxidantes e benéficos para a nossa saúde. Mas porque pagar tão caro em um suplemento que pode ser consumido em abundância no abacate e nas castanhas? Além de mais barato, comer abacate e castanha é muito mais gostoso (e ainda te fornece minerais e vitaminas de brinde).

4- Isotônicos por água de coco

águadecoco

Existe uma grande polêmica em torno da necessidade, ou não, de utilização de isotônicos na alimentação de atletas ou praticantes de atividades físicas. Não é nosso mérito discutir este assunto aqui, mas podemos afirmar que se você gosta de fazer uso destas bebidas durante e após o treino, mas está insatisfeito com os valores praticados (ou com o fato de ser industrializada), que tal optar por testar a água de coco? Esta bebida é considerada um isotônico natural, por ser rica em minerais e carboidrato que são perdidos durante um período de exercício.

5- Cápsulas de termogênico por café ou guaraná

guaraná

Eu, pessoalmente, sou contra o uso de termogênicos para se praticar uma atividade física. Isto é uma opinião puramente individual. De qualquer maneira, se você está procurando algo que aumente seu estado de alerta e te motive mais a praticar uma atividade física, mas não está disposto a tomar cápsulas industrializadas, já tentou se estimular com uma xícara de café ou um copo de suco de guaraná? Estas duas bebidas são a base de produção da grande maioria dos termogênicos consumidos por você.

E ai? Gostaram das substituições? Não gostaram? Conhecem outras alternativas melhores? Deixe seu comentário!

escritopor2marina