A Dieta Gracie: Prós e Contras

Uma leitora entrou em contato com a gente, e pediu para que escrevêssemos o nosso ponto de vista em relação a uma das dietas mais famosas e mais conhecida: “A Dieta Gracie”.

Para falar a respeito dessa dieta, nada mais digno que comprar o livro de Rorion Gracie, criador deste estilo de vida alimentar, sobre o assunto.

capa_a_dieta_gracieA Dieta Gracie é um regime de alimentação racional baseada no consumo de alimentos saudáveis que combinados entre si tornam a digestão mais fácil e aumentam o aproveitamento do alimento pelo organismo. As combinações dos alimentos são dividas em grupos A, B, C, D, E e F conforme figura:

foto

Segundo o autor do livro, a proposta da dieta é educar e reprogramar os seus hábitos alimentares tornando-o um indivíduo mais saudável e com mais energia.  Porém, os princípios da dieta ainda não foram respaldados cientificamente e a única maneira de comprovar os efeitos positivos de acordo com o livro é acompanhar a saúde da família Greice e dos demais que seguem a dieta.

Durante toda a leitura do livro, o autor compara as dificuldades de transformar os hábitos alimentares com situações cotidianas e com a arte do jiu jitsu e, ao mesmo tempo incentiva o leitor a não desistir e continuar sempre firme nos seus objetivos.

De acordo com os princípios da dieta, você terá um aumento de energia, redução na frequência de dores de cabeça, gases, intestino desregulado, azia, dores de estômago,  dentre outros.

A essência da dieta:

Fases:

Primeira: Mantenha um espaço de pelo menos quatro horas e meia entre as refeições – alimentar-se de 3 em 3 horas resulta em fermentação excessiva e acidificação do sangue.

Segundo artigos que li e o que estudei, a acidose metabólica (acidificação do sangue) pode acontecer devido a ingestão de algum ácido ou substância como álcool ou metanol, doenças ou incapacidade do rim em excretar ácido. Quanto a alimentar-se de 3 em 3 horas não existe nada na literatura que aponte efeitos negativos (quando se tem uma alimentação equilibrada, lógico…nada de hambúrguer de 3 em 3 horas)

Segunda: Elimine as sobremesas e os refrigerantes – Pode comer doces, mas deve aprender que doce comer e quando comer. Refrigerantes são proibidos.

refri naonao acucar

Essa fase eu gostei e concordo com ela.

Terceira: Não misture diferentes tipos de amidos na mesma refeição – em vez de comer um hambúrguer e batata frita, coma 2 hambúrgueres ou coma somente a carne sem o pão e toda a batata frita que quiser. Não vale misturar amido na mesma refeição, ou come só o trigo ou come só a batata ou come só o milho ou come só o arroz e por aí vai.

Não achei explicação científica alguma para essa fase. Não há porquê em não misturar diferentes tipo de amidos. Pode ser que o consumo do amido em excesso leve a um aumento de peso, mas nada relacionado com misturá-los em uma mesma refeição. Chamo a atenção aqui que ao consumir a quantidade de batata frita que quiser você pode prejudicar a sua saúde principalmente devido às gorduras presentes nessa preparação.

Enquanto o autor do livro explica as fases (citadas acima), ele pontua aspectos muito interessantes e positivos como:

– Sugestões de cardápio, seleção de alimentos (tudo sempre da melhor qualidade), modo de preparo, rendimentos e utensílios que podem ser usados no preparo;

– Higiene;

– Ensina como acabar com o hábito de comer junk food, inclusive como lidar com as crianças com esse hábito;

– Como ensinar as crianças a fazer escolhas certas em festinhas de aniversário e como você pode ajudar;

– Como inspirar as pessoas a se alimentarem bem;

– Porque devemos escolher alimentos orgânicos e livres de pesticidas e hormônios, dentre outros…

pesticidasjunk noacucar

O que realmente ficou nas nuvens foram as combinações alimentares que devem ser feitas na dieta. O livro cita os princípios que são baseados em parcerias (de alimentos) que otimizam o processo digestivo e levam ao aumento de energia, saúde e longevidade mas não deixa claro de onde vem estes embasamentos. De onde aprenderam que só  se pode comer um tipo de amido em cada refeição; que frutas cítricas não devem ser misturadas com nada e sim ingeridas sozinhas; que devemos evitar pimenta, canela e mostarda; que carne de porco é proibida; que fruta com queijo é bom e outras imposições da dieta?

A escolha das combinações dos alimentos ficam sem explicação no conteúdo do livro. A pessoa que criou a dieta com certeza estudou algo sobre nutrição, mas não deixou claro seus embasamentos científicos para criar estes padrões de alimentação. Já foi dito antes que a dieta não tem comprovação cientifica. Acredito que vale a pena a leitura do livro ‘A DIETA GRACIE” para os interessados na prática desde que saibamos filtrar alguns pontos, em especial o radicalismo. O que faz bem para alguns pode não fazer para outros. Enfim, existem muitos pontos positivos na Dieta Gracie que valem ser seguidos, mas em contrapartida há também pontos negativos. Como cada indivíduo possui uma necessidade diferente uma dieta pode funcionar para alguns mas não ser adequada para outros).

Para a minha vida vou usar como aprendizado e inserir os pontos positivos, e você?

escritopor2gabriela

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: