Desejos ‘culinários’ : aprenda a desvendá-los

Li uma reportagem na superinteressante de dezembro/2009, sobre os desejos das grávidas, que faz jus ao nome da revista: SUPER INTERESSANTE! “…A teoria mais aceita hoje é que aquela secura por salmão com sorvete vem da demanda por nutrientes específicos. A ‘desnutrição relativa’ não é provilégio das futuras mamães. ao longo da vida, nosso organismo cria um banco de dados relacionando alimentos e seus nutrientes. Assim, o corpo aprende a pedir leite quando quer cálcio e ovos quando quer zinco, por exemplo. Nas grávidas, esse sentido está ligado no turbo.”

Nada mais que a verdade. Quem já passou por regiões muito pobres, onde há grande incidência de anemia por deficiência de Ferro, com certeza já viu crianças comendo tijolo – esses são feitos de terra, e adivinhem só? Tem Ferro. Outro exemplo clássico da falta de Ferro, é o desejo das mulheres na fase menstrual de comer beterraba e feijão – grandes fontes de ferro (que estão indo embora junto com o sangue ‘perdido’ nessa fase).

A ‘tara’ que algumas pessoas relatam por comer muito a noite, é um sinal de que a alimentação durante o dia foi ‘insuficiente’: o corpo então, sedento por energia, pede comida – cansaço, fome e jornal nacional são ótimas combinações para a engorda … Sentados na frente da TV, sem disposição para fazer uma sopa, ou salada, o fast food, cheio de gorduras saturadas e altos índices de carboidrato são engolidos como última refeição da vida. Resultado: quilos a mais, que estão ali porque ‘comer a noite engorda’. Não, comer a noite não engorda. Comer nada durante o dia, e tudo a noite engorda (ou vice versa). E tudo porque você não soube interpretar seus desejos culinários…
E tem desejo culinário mais visível do que o desejo da criançada? Todo mundo sabe que doce, bala e pirulito é uma delícia, mas não é para tanto: criança gosta muito (talvez muito mais que os adultos) principalmente pelo açúcar: grande fonte de energia. Tem coisa que criança gasta mais que energia? Não! Então seria a preferência dos meninos e meninas um desejo culinário? Sim!

Para entender mais sobre o seu corpo, e os pedidos que ele faz estude os alimentos que consome. Na internet encontramos artigos sobre vários alimentos e seus nutrientes, basta dar uma “googlada” e selecionar bem.

E vale a pena prestar atenção em todos os nossos desejos ‘culinários’. Mas sem mascarar… querer chocolate toda hora e achar que está com falta de açúcar não pode! Seja responsável, e se alimente de maneira correta, para não ter desejos… Lembre-se que os desejos são desencadeados por carências de certos nutrientes!

Sujeira em restaurante, pode?

Não, não pode. Por isso, sempre observe bem o local onde almoça. Muitas vezes por mais ‘limpinho’ que pareça o local, não se engane pelas aparências – a cozinha e o estoque podem ser totalmente fora dos padrões.
Foi o que mostrou a reportagem do Fantástico, programa da TV Globo, dia 18/10/2009.
Se você não conhecer a cozinha, repare se há muitas moscas no restaurante, se os manipuladores usam máscaras e toucas, se o local é arejado e visualmente limpo, se o banheiro é bem cuidado e principalmente se há alvará de funcionamento higiênico sanitário.
Contaminações grosseiras costumam ocorrer em restaurantes que armazenam mal o seu alimento. Vale a pena conferir!

Super Interessante

Vale a pena ler a reportagem da revista Super Interessante (editora Abril) do mês de Maio. Uma reportagem de 9 páginas recheadas de informações sobre dieta: “comer a cada 3 horas? Evitar carboidratos a noite? Dieta das proteínas?”. As respostas (algumas bem conhecidas) estão lá, assim como alguns mitos desvendados. Com apelo científico mas de fácil leitura, você pode reler o que já sabe e ler o que não era conhecido anteriormente. Fica a dica a todos!

Dica do Leitor


A nutricionista Maria Tereza de Belo Horizonte chamou a atenção do nosso blog para um novo tipo de suco de caixinha que declara ser 100% natural. Visitamos o site do suco Do Bem para conferir a história e nos pareceu bem interessante, será essa a solução para aumentar o nosso consumo de frutas, e sem conservante? Resta agora aguardar a chegada deste suco na nossa cidade para podermos provar (porque por enquanto o suco só é encontrado no Rio!).

Acesse o site no hiperlink Do Bem e confira (o site também é simples e uma delícia de navegar), e fique na torcida para que este 100% seja mesmo muito bom!

Dica do Leitor

Nosso querido leitor André Winter mandou uma dica interessante (e leve!) de lanche ou entrada:


Sanduiche sueco de cogumelos:

.Pão de forma

.Requeijão 
.Fatias de maçã verde 
.Molho de cogumelos 
.Cebola 
.Raspas de limão.

A receita original encontra-se no link: http://www.scandcook.com/default.asp?page=109&recipe=123


Use a criatividade e aproveite! Obrigada André!

Carpaccio de Uva e Rúcula

Adoramos dicas de leitor! Esta receitinha prática é a deliciosa dica de Marilaura Almeida para o Batata Frita:

Carpaccio de Uva e Rúcula

uva

 Ingredientes

.1 Maço de rúculas

.500gr de uvas grandes (Itália, Red Globe, etc)

.Lascas de Parmesão

.Pimenta do Reino

 

Para o Molho

.2 Colheres (sopa) de Frangélico

.2 Colheres (sopa) de mel

.6 Colheres de Azeite

.Sal

 

Modo de Preparo

Lave as folhas de rúcula e retire os talos. Reserve. Corte as uvas em fatias finas e retire as sementes. Reserve. Corte o parmesão em lascas com a ajuda de um descascador de legumes. Monte a salada em pratos individuais, colocando no centro as folhas de rúcula formando uma rosácea. No centro das folhas, coloque as fatias de uva. Espalhe lascas de parmesão no prato. Numa tigela misture o azeite, Frangélico, mel e sal, sem requentar. Regue na salada junto com um pouco de pimenta do reino.

Serve 6 porções!

escritopor2marina

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: