Receita: Óleo e colorau de urucum

Óleo de Urucum, benefício e usos – Caliandra

Na porta da cozinha de minha casa na fazenda existe um belo pé de urucum sempre carregado de frutos. Porque não usá-los ? Simplesmente porque não sabia como. O socorro veio através do site Na Cozinha da Helô, que eu recomendo.

Reproduzo aqui a receita (obrigado e desculpe a ousadia Helô)

Rendimento: 1 xícara de óleo e uma xícara de colorau

Preparo: 2h (preparo), 2 DIAS (Total) 

INGREDIENTES

Frutos

  • 40 frutos bem vermelhos, já secos e até ligeiramente abertos de urucum

Óleo

  • 1 xícara (chá) de óleo vegetal (240 ml)

Colorau

  • ¾ de xícara (chá) de fubá (90 g)
  • Óleo vegetal

PREPARO

30kg De Sementes De Urucum Selecionadas Colorau - R$ 450,00 em ...

Frutos

  • Colha os frutos ou galhos com cachos de frutos. Se os frutos já estiverem bem secos, será só usar, mas se ainda estiverem com a casca macia e levemente úmidos é aconselhável colocar os ramos num lugar arejado por uns dois dias antes de usar.
  • Pressione cada fruto com os dedos pra abrir, solte as sementes com a ajuda de uma colher e transfira pra uma tigela, sem se importar com um pouco de películas clarinhas. Normalmente, desse tanto de frutos saem mais ou menos 1 e ½ xícara (chá) de sementes.

Óleo de Urucum Vegetal Aroma Brasil - 10ml/30ml/60ml/100ml/500ml/Litro

Óleo

  • Coloque ¾ de xícara (chá) de sementes e o óleo numa panelinha, aqueça e mantenha em fogo baixo até que o óleo ele fique bem vermelho e as sementes e películas comecem a escurecer (nesse momento, algumas sementes começam a pipocar).
  • Antes que o óleo comece a soltar fumaça e a queimar, retire a panela do fogo.
  • Com cuidado, pois é muito quente, passe o óleo por uma peneira e deixe esfriar numa tigela e descarte as sementes.
  • Coloque o óleo frio num pote com tampa e guarde por até 1 mês na geladeira.
  • Sirva um fio de óleo com filés de peixe e de frango, ou refogue o arroz, o feijão, ou use pra fazer uma farofa, ou acrescente um fio de óleo na panela de um ensopado ou uma moqueca ou use pra temperar uma salada.

Colorau – Faz bem ou mal? - Feliz Melhor Idade

Colorau

  • Coloque as sementes e um fiozinho de óleo numa frigideira média e, sem parar de mexer, mantenha no fogo até a colher começar a avermelhar (com o calor, as sementes começam a soltar o pó, que gruda na colher).
  • Então, acrescente o fubá e continue mexendo por mais uns 5min pra dourar o fubá.
  • Retire do fogo, passe tudo pra um pilão e soque até conseguir um pó bem vermelho, depois peneire e, se preferir um pó finíssimo, repita a operação mais uma vez. Na falta de pilão, bata tudo no liquidificador ou no processador, mas tendo cuidado pra não bater demais e estilhaçar as sementes.

Guarde o colorau em pó por um mês num pote bem fechado e use pra dar cor ao feijão e ao arroz e aos ensopados e moquecas do dia-a-dia.

 

Receita: Na Cozinha da Helo

Pode ? Glutamato monossódico ?

Glutamato monossódico | Cozinha Técnica

Tendo lido uma postagem hoje no site Lifestyle, que alertava para os riscos no consumo do glutamato monossódico (GMS), nos levou a pesquisar mais sobre o assunto. Assim sendo, fomos ao Google Acadêmico, selecionamos alguns trabalhos, dos quais destaco o exibido abaixo e chegamos a algumas conclusões. Vamos a elas.

IMG_3176

 

  • O GMS é um realçador de sabor largamente utilizado pela indústria alimentícia.
  • Ele é derivado do l-ácido glutâmico, um aminoácido presente naturalmente em vários alimentos que fazem parte da nossa dieta (ex. carnes, peixes, queijo Parmesão, queijo Roquefort, tomates, cogumelos, brócolis)
  • O GMS é usado porque possui um sabor específico – umami – considerado o quinto sabor e que aumenta a palatabilidade dos alimentos.
  • Por isto ele é frequentemente adicionado a alimentos industrializados : carnes processadas, sopas, molhos, petiscos…

10 Comidas que te deixam com fome rapidamente – Bom Jardim Notícias

A polêmica: Alguns trabalhos científicos, habitualmente realizados com roedores têm mostrado potenciais riscos à saúde:

Imagem13

Com estes resultados o alarme e o medo têm sido propagados. Mas, como bem avalia o trabalho acima e outros consultados, há um problema – a metodologia utilizada nos trabalhos e sua interpretação. Embora os achados sejam importantes e mereçam consideração , nem sempre o que se acha em um experimento, com animais, pode ser extrapolado para seres humanos. As dificuldades para isto são várias:

Imagem14

Além do fato de terem sido usados, exclusivamente roedores as vias de administração usadas foram, na maioria das vezes, por injeção venosa, intraperitonial ou por concentrados; as doses muitas vezes não foram precisamente determinadas, e em muitos do casos, quando o foram, ficaram bastante acima do consumo humano (quando consideradas em mg/kg de peso. Assim, não é possível transportar estas conclusões para o consumo humano.

As recomendações atuais pelo FDA (Food and Drug administration) , JECFA (Joint FAO/OMS Expert Committee on Food Additives e o European Food Safety Association (EFSA) consideram o glutamato monossódico como GRAS (Generally Recognized As Safe) ou substância geralmente reconhecida como segura. A EFSA, diante dos trabalhos apresentados reviu recentemente (2017) a segurança do GMS e o considerou seguro para um consumo numa dosagem de até 30 mg/kg/dia (uma dosagem absurdamente alta de se conseguir ingerir : 2100 mg/dia para um adulto de 70 kg)

Assim sendo, até prova em contrário: pode consumir sim alimentos ricos em GMS, lembrando que esta recomendação não se aplica a alimentos industrializados, que são também ricos em glutamato monossódico, não por causa dos glutamatos, mas por causa do ultraprocessamento  dos alimentos e seus malefícios.

Fontes citadas:

  1. Glutamato Monossódico: O que é? O tempero mais perigoso do mundo- Life Style
  2. A Review of the Alleged Health Hazards of Monosodium Glutamate. Comprehensive Reviews in Food Science and Food Safety . First published:08 May 2019. https://doi.org/10.1111/1541-4337.12448 – Acesso livre

 

Receita: Nhoque frito com cogumelos e damasco

Em 2017 o chef cambojano Tomy Gousset apresentou um dos carro-chefe do seu restaurante Tomy & Co: o nhoque frito com girolles (cogumelos crista de galo) e damasco.

Se você quiser preparar a massa para o inhoque (existem excentes marcas já prontas, se você não tiver tempo ou disposição):

Ingredientes

  •     500g de batata
  •     125g de farinha de trigo
  •     1 ovo
  •     200g de cogumelos crista de galo
  •     50g damasco seco
  •     400ml de caldo de galinha
  •     un bouquet de verbena (opcional)
  •     sal e pimenta

Modo de preparo da massa

  1. Asse as batatas com casca e cobertas de sal grosso em um forno a 180 ° C durante 1h.
  2. Abra as batatas, retire a parte de dentro da casca, passe numa peneira e as amasse fazendo um purê.
  3. Coloque em um recipiente e acrescente a farinha de trigo e o ovo, misturando tudo com uma espátula de madeira.
  4. Adicione sal e pimenta.
  5. Faça rolos compridos e depois corte em pequenos pedaços.
  6. Enrole com as palmas das mãos, fazendo umas bolinhas.
  7. Para modelar os nhoques com ranhuras, role a bolinha sobre o garfo
  8. Cozinhe em água fervente com sal.
  9. Uma vez que os nhoques subam na água, retire-os com uma escumadeira
  10. Separe os bolinhos em um recipiente seco.
  11. Deixe esfriar e secar.

Para o acompanhamento:

Modo de preparo do acompanhamento

  1. Lave os cogumelos crista de galo 4 vezes sob água corrente fria.
  2. Refogue-os com azeite.
  3. Desfolhe a verbena e passe-as rapidamente em uma panela com um pouco de azeite quente (num fogo a 180 graus) e depois escorra em papel toalha.
  4. Pique os damascos e salteie em manteiga derretida, deixando-os separados.

Modo de preparo do prato final

  1. Frite os nhoques em óleo de sua preferência, até que estejam bem dourados.
  2. Escorra os nhoques, coloque em uma recipiente.
  3. Acrescente o caldo de galinha, os cogumelos, a verbena e os damascos.
  4. Misture e sirva.

Obs. Verbena é uma planta medicinal com flores coloridas, também conhecida por urgebão ou erva-de-ferro que, além de ser ótima para decoração, também pode ser utilizada como planta medicinal para tratar a ansiedade e o estresse, por exemplo.

 

Curiosidade: Comer nhoque no dia 29 traz sorte, segundo tradição italiana.

Easy Sweet Potato Gnocchi Recipe ~ Macheesmo

Hoje é dia 29. Todos os dias 29 de cada mês, aqui em casa, cumprimos religiosamente uma tradição italiana: comer nhoque. Mas porque comer nhoque no dia 29?

Conta a lenda conta que São Pantaleão, após andar durante um dia inteiro pelas ruas da Itália,sentiu fome e pediu comida a uma família humilde que só tinha um pouco de nhoque para servir. Após dividir igualmente o nhoque entre todos, deu a quantidade
de 7 unidades para cada um. São Pantaleão comeu com eles e partiu, muito agradecido.

Quando os moradores foram tirar os pratos da mesa para lavar, encontraram várias
moedas de ouro de baixo de cada um deles, passando a ser uma família rica e próspera para sempre. Era o dia 29, de um mês do século seis.

Desde então, ao comer nhoque, no dia 29, muitos italianos e descendentes, como a minha família, repetimos esta tradição:

No dia 29 de todos os meses do ano, de pé, faça a oração diária de São Pantaleão, com um prato servido com 7 unidades de nhoque a seu gosto, colocando a maior nota ou moeda que você possuir, em baixo do prato.

Após a oração, faça seus pedidos de graças, especialmente por prosperidade, e coma todo nhoque. Faça diariamente a oração a São Pantaleão, e repita a simpatia no dia 29 de cada mês. Vale qualquer oração, mas se você quiser fazer a original: 

Oração diária a São Pantaleão

Senhor,
fazei que não se apague
em nossos corações
a lembrança da
Vossa bondade infinita.

Concedei-nos sentir
o poder de intercessão,
que outorgastes
ao Vosso Santo Mártir,
São Pantaleão,
a fim de que ele
nos socorra,
em dó das circunstâncias
de nossa existência,
quando recorremos
aos seus méritos
para obtermos a Vossa Graça.

São Pantaleão,
refúgio certo de todos
que Vos invocam,
rogai por nós.

São Pantaleão,
refúgio certo de todos
que Vos invocam,
rogai por nós.

São Pantaleão,
refúgio certo de todos
que Vos invocam,
rogai por nós.

Comentários

Não acredita ? Nós preferimos não arriscar.

Boa sorte!!!

 

Regra 52 : Compre pratos e copos menores e mais três truques simples para comer menos.

 

10 Mind Tricks to Fool Yourself Into Eating Less - AOL Lifestyle

Continuando a tarefa de publicar as regras alimentares simples, esta é a regra número 52 das 64 regras da comida publicadas por Michel Pollan em 2009 (ver post). Até agora, quase todos os posts falaram sobre o que comer, a partir deste o assunto é como comer.

Regra 52 : Compre pratos e copos menores e mais três truques simples para comer menos.

 

Mas será que faz diferença ? Não só o tamanho do prato, mas também alguns pequenos truques. São todos úteis para os tempos de confinamento.

 

Cozinha Suja Desarrumado Fotos De Stock - Baixe 40 Fotos Royalty Free

1. Arrume a cozinha

Já pensou em manter sua cozinha mais arrumada ?

Em um trabalho de 2016, os pesquisadores de Cornell concluíram que um ambiente caótico e desordenado nos leva a comer tira-gostos desnecessários.

O estudo, publicado na revista científica Environment and Behavior, concluiu que nas cozinhas bagunçadas é mais fácil ingerir calorias em excesso. Observou-se que  mulheres estressadas deixadas em uma cozinha bagunçada comeram o dobro de calorias do que outro grupo na mesma cozinha quando esta estava organizada e silenciosa.

joao martins Arquivos - Página 5 de 5 - João Martins

2. Use pratos pequenos

Os mesmos pesquisadores analisaram também como o tamanho dos pratos pode influenciar na quantidade de alimentos que ingerimos.

Você já ouviu falar em “ilusão de Delboeuf” ?  Ele observou  que quando olhamos círculos concêntricos, o tamanho percebido do círculo interior muda quando se altera a circunferência do círculo exterior.

As 5 Ilusões de Ótica Mais Famosas De Todos Os Tempos Finalmente ...

A medida que o círculo exterior aumenta, a percepção é de que o círculo interior fica menor.Uma ideia parecida pode ser aplicada aos pratos que usamos no dia a dia: quanto maiores eles são, menor parece a porção de comida.

Pratos grandes podem fazer com que a quantidade de comida pareça menor, e os pequenos fazem o efeito contrário.

 

3. Atenção às cores

Em outro artigo os pesquisadores  investigaram o efeito que tem o contraste de cores sobre a quantidade que comemos.

Spaghetti with tomato sauce on red plate, with fork Stock Photo ...

Os participantes que comeram em pratos que tinham pouco contraste de cores (por exemplo, massa com molho de tomate em prato vermelho) se serviram com cerca de 30% a mais de comida do que aqueles que comeram em um prato branco.

O contraste de cores entre os pratos e a toalha de mesa ajuda a reduzir o tamanho das porções em até 10%.

Can colours REALLY suppress your appetite? | Daily Mail Online

Por isso, os pesquisadores sugeriram em seu artigo publicado no Journal of Consumer Research que pequenas mudanças no design da mesa podem ter um impacto sobre o quanto comemos.Se você quer comer menos, experimente então selecionar pratos que, por sua cor, contrastam com a cor da comida.

Pinterest: @jadeaubiin Instagram: @jade_aubin … | Cozinha ...

Se, pelo contrário, você quer comer mais vegetais e folhas verdes, prove servi-los em um prato verde.

4. Evite filmes tristes

Se você vai ver um filme e não quer engordar, fique longe dos filmes tristes.Um estudo do mesmo laboratório mostrou que os espectadores que viram filmes triste comeram entre 28% e 55% mais pipocas, tanto em um experimento de laboratório quanto em um pequeno cinema.

20 Sad Movies on Netflix You Should Watch! | factxo.com

Em um estudo anterior, os pesquisadores concluíram que os filmes de ação e aventura também levam os espectadores a ingerir mais calorias, mas apenas se elas estão ao alcance das mãos.

Para evitar o risco de que um filme te faça comer demais, o melhor é manter os snacks fora do alcance das mãos e, idealmente, bem longe do sofá.

Fontes:

  • Clutter, Chaos, and Overconsumption: The Role of Mind-Set in Stressful and Chaotic Food Environments. Vartanian LR, Kernan KM and Wansink B. Environment and Behavior. 2016 

PARA SABER MAIS:

 

TODAS AS REGRAS:

Regra 1: Coma Comida (Ler Post)

Regra 2: Não coma nada que sua avó não reconheceria como comida (Ler post)

Regra 3: “Evite produtos alimentares que contenham ingredientes que nenhum ser humano comum tenha na despensa” (Ler post)

Regra 4: “Evite produtos alimentícios que contenham xarope de milho com alto teor de frutose” (Ler post)

Regra 5: Evite produtos que contenham alguma forma de açúcar (ou adoçante) listada entre seus três primeiros ingredientes” (Ler post)

Regras 6 e 7:  (Ler post): ”Evite produtos alimentícios que contenham mais de cinco ingredientes” e “Evite produtos alimentícios que contenham ingredientes que um aluno do terceiro ano não consiga pronunciar “

Regra 8: (Ler post): “Evite produtos alimentícios com propaganda de propriedades saudáveis”

Regra 9: “Evite produtos alimentícios que tenham no nome os termos ‘light’, ‘baixo teor de gordura’ou ‘sem gordura’” (Ler post)

Regras Número 10 e 11:  “Evite alimentos que estejam fingindo ser o que não são ” e “Coma alimentos feitos com ingredientes que você pode imaginar crus ou crescendo na natureza” (Ler post)

Regra  Número 12:  “Compre nos corredores ao longo das paredes do supermercado e fique longe do centro “(Ler post)

Regras  Número 13 e 14:  “Só coma alimentos que acabarão apodrecendo”e “Coma alimentos feitos com ingredientes que você pode imaginar crus ou crescendo na natureza”(Ler post)

Regras 15,16 e 17: “Fuja do Supermercado Sempre Que Puder” “Compre seus lanches na feira””Se veio de um vegetal, coma, se foi fabricado, não coma”(Ler post)

Regras Número 18 e 19: “Fuja do supermercado sempre que puder”; “Compre seus lanches na feira (Ler post)

Regras Número 20 e 21: “Só coma alimentos preparados por humanos” ou “Não ingira alimentos preparados em locais nos quais se exige que todo mundo use touca cirúrgica”(Ler post

Regra 22: Coma principalmente vegetais, sobretudo folhas. (Ler post

Regra 23: Comer o que fica em pé numa perna só (cogumelos e vegetais) é melhor que comer o que fica em pé em duas patas (aves), que é melhor que comer o que fica em pé em quatro patas (porcos,vacas e outros mamíferos). (Ler post)

Regra 24: Faça refeições coloridas. (Ler post)

Regra 25: Beba a água do espinafre. (Ler post)

Regra 26: Coma animais que se alimentaram bem (Ler post)

Regra 27:Se tiver espaço compre um freezer (Ler post)

Regra 28:  Adoce e salgue a sua comida você mesmo (Ler post)

Regra 29: Coma os alimentos doces como você os encontra na natureza (Ler post)

Regra 30: Coma como um onívoro (Ler post)

Regra 31: Coma alimentos cultivados em solo saudável (Ler post)

Regra 32: Coma alimentos silvestres quando puder (Ler post)

Regra 33: Não se esqueça dos peixinhos oleosos (Ler post)

Regra 34: Coma alguns alimentos que foram pré-digeridos por bactérias ou fungos (Ler post)

Regras 35,36: Adoce e salgue sua comida você mesmo; Coma os alimentos doces como você os encontra na natureza (Ler post)

Regras 37 e 38 : Quanto mais branco o pão mais cedo você vai para o caixão – Que tipo de dieta devo comer /Dê preferência aos tipos de óleo e de grãos moídos em mós – (Ler post)

Regra 39: Coma todas as besteiras que quiser, desde que você mesmo as cozinhe- (Ler post)

Regra 40: “Seja o tipo de pessoa que toma suplementos – depois retire os suplementos” (Ler o post)

Regra 41: Coma mais como os franceses.Ou os japoneses.Ou os italianos. Ou os gregos (Ler o post)

Regra 42: Olhe com ceticismo para os alimentos não tradicionais (Ler o post)

Regra 43: Tome um copo de vinho durante o jantar (Ler o post)

Regra 44: É melhor pagar ao dono da mercearia do que ao médico (Ler post)

Regra 45: “Coma menos”(Ler o post)

Regra 46: Pare de comer antes de se sentir satisfeito (Ler o post)

Regras 47, 48 ,49,50 e 51 : Coma quando tiver fome, não quando estiver entediado … (Ler o post)

Receita: American Chop Suey

Healthy American Chop Suey in a bowl

Imagem1

Receita original de Healthy Seasonal Recipes

INGREDIENTES:

  • 340 g de massa integral (rotini, fusilli ou macarrão)
  • 6 dentes de alho amassados
  • 2  cenouras picadas
  • 2 talos de aipo picados
  • 2 cebolas médias picadas
  • 2 colheres de sobremesa de azeite de oliva
  • 450 g de carne de boi magra em tiras
  • 2 colheres de chá de ervas finas
  • 1 colher de chá de sal (ou à vontade)
  • 1/2 colher de chá de pimenta fresca (dedo-de-moça)
  • 1/2 copo de vinho tinto
  • 700 g de tomates tostados e esmagados

PREPARO

  • Leve uma panela grande de água para ferver.
  • Enquanto isso, coloque o alho no processador  e continue  até  ser picado.
  • Abra a tampa e adicione a cenoura e o aipo. Processe até que a cenoura e o aipo estejam bem picados.
  • Abra a tampa, adicione a cebola e pulse até que a cebola esteja picada.
  • Como alternativa, use uma faca para picar o alho, pique finamente a cenoura e o aipo e pique a cebola.
  • Aqueça o óleo em uma frigideira grande em fogo alto.
  • Desfie a ou carne e cozinhe, mexendo até dourar, 4 a 5 minutos.
  • Misture os legumes, tempero italiano, sal e pimenta e cozinhe, mexendo ocasionalmente até que os legumes estejam cozidos e dourados levemente, de 8 a 12 minutos.
  • Despeje o vinho e cozinhe até evaporar parcialmente, 2 a 3 minutos.
  • Misture o tomate e deixe ferver.
  • Reduza o fogo para ferver e cozinhe, mexendo ocasionalmente até que legumes fiquem macios, cerca de 5 minutos.
  • Enquanto isso, quando a água ferver, cozinhe o macarrão d
  • Drene.
  • Misture o macarrão e o molho e sirva polvilhado com salsa.

Se sobrar:  O molho (não misturado com a massa) pode ser guardado no freezer por 3 meses. As sobras podem ser reaquecidas no forno de microondas.

tabela nutricional

FATOS NUTRICIONAIS: Imagem1

  • Porção: 350 g
  • Calorias: 330
  • Carboidratos 49 g
  • Fibras: 7.6 g
  • Proteína: 20 g

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: