Contar Calorias Realmente Conta Alguma Coisa?

Hoje nós do BFP resolvemos falar sobre o assunto que costuma aterrorizar bastante as pessoas que se preocupam com alimentação: calorias dos alimentos! Inspirados pela nossa amiga e ex-companheira de blog, Marina Nogueira, nutricionista, e atualmente autora do blog Não Conto Calorias, resolvemos compartilhar da sua brilhante ideia de não contar calorias, e explicar para vocês afinal, o porquê as calorias não importam tanto assim.

Afinal, o Que são as Calorias?

contando calorias

Muito antes da nutrição e os alimentos apropriarem da palavra caloria, eram os físicos quem as utilizava.  As calorias dos alimentos (ou quilocalorias – kcal) nada mais são do que uma unidade de medida que expressam a quantidade de energia contida em cada grama de um alimento. Essa energia (ou calorias) funciona como uma moeda de troca, ou melhor, como “combustível” para que o nosso corpo exerça todo o seu funcionamento que permite que a temperatura corporal seja sempre mantida, que o coração bata, que o pulmão troque o oxigênio por gás carbônico, que seu cérebro produza os sonhos enquanto você dorme e assim mantenha toda essa complexa máquina biológica trabalhando de forma adequada.

Independentemente se no seu café da manhã você vai preparar um copo de suco de laranja e comer algumas torradas acompanhadas de ovo mexido, ou um iogurte grego 0% gordura as duas opções vão ter em comum às calorias.

Um detalhe que tem que ser considerado quando falamos sobre calorias, é sobre qual será a fonte responsável por oferecê-las. Não importa se vêm dos o alimento tem mais carboidratos (açúcares), menos proteínas ou zero de gorduras, o que importa mesmo é que independente de qual seja a fonte (ou macronutriente), você terá consumido algumas calorias.

Quanto Vale as Calorias?

Para cada grama de carboidrato ou proteína ingerida, você estará consumindo aproximadamente 4 kcal. Em contrapartida cada grama de gordura é capaz de gerar 9 kcal de energia no nosso corpo. No entanto reduzir ou eliminar totalmente o consumo de gorduras na nossa alimentação é um equivoco e deve ser evitado. As gorduras tem papeis importantes no nosso sistema fisiológico e são fundamentais para ajudar na absorção de algumas vitaminas e principalmente na produção de hormônios.

Quando você ficar em dúvida entre comer um pãozinho de sal com manteiga ou pão integral com queijo cottage simplesmente por conta das calorias, vale a pena considerar algumas situações: Qual o tamanho da sua fome? Seu colesterol está adequado? Sua taxa de triglicerídeos está dentro dos limites aceitáveis? Você está tendo problemas em reduzir o seu peso? Tem histórico de diabetes na família?

A diferença entre as calorias das duas situações acima será mínima, mas a fonte das calorias assim como os nutrientes associados serão bem diferentes. É a mesma situação dos refrigerantes e sucos. Em termos de calorias, alguns sucos podem ter calorias bem próximas ou até mais calorias do que um refrigerante. Por exemplo, um copo duplo de suco de laranja, (aproximadamente 240ml) tem o mesmo tanto de calorias do que um copo de refrigerante qualquer. O que vai diferenciar um do outro será o valor nutricional do tipo de bebida que você estará consumindo, ou seja, a diferença estará na qualidade das calorias. Um bom copo de suco natural de laranja (nada de suco de caixinha com gominhos) é capaz de oferecer a você calorias vindas de fonte de açúcar natural, uma boa dose de vitamina C que vai agir como antioxidante e fortalecer o sistema imunológico, e fibras. Em contrapartida, o refrigerante não vai fornecer nada além de doses absurdas de açúcar industrializado, xaropes, e um monte de conservantes químicos e compostos artificiais. De fato, o refrigerante irá te dar energia, mas será mesmo que é só disso que você precisa?

As Calorias e a Fome Oculta!

Pode parecer bem contraditório falar sobre fome quando falamos sobre calorias. Mas a fome oculta existe e é uma realidade de grande parte da população mundial. Reconhecida pela Organização Mundial de Saúde, a fome oculta afeta uma a cada quatro pessoas no mundo todo, não importando se você é adepta as receitas FIT e se tem um cardápio variado, a carência de algumas vitaminas e minerais pode ocorrer.

Embora muitas das vezes essas carências não se manifestem imediatamente, lentamente, dia após dias, pode trazer sintomas e doenças que poderiam ser prevenidas por alguns desses nutrientes que estão em falta no nosso corpo.

Com sintomas muitas vezes confusos a outras doenças, a fome oculta pode se manifestar muitas vezes de forma simples como apatia, fraqueza, sonolência, falta de apetite, alterações no comportamento, e principalmente dificuldades no ganho e perda de peso.

Por se tratar de um tipo de fome, pode acontecer de se julgar como uma situação que acontece somente com pessoas de baixa renda, pela dificuldade de informação e baixo acesso aos alimentos de alto valor nutricional, mas a realidade é há fortes indícios de que essa situação ocorra em todas as classes sociais.

Então, aumento as calorias, divido por dois, ou reduzo tudo a zero?

app

Nada disso! Não se trata apenas de aumentar ou diminuir calorias.  Cada pessoa tem uma necessidade específica de quantidades de calorias para executar toda a rotina do dia. Sugere-se que uma dieta saudável de aproximadamente 2000 kcal tenha em média 55% de carboidratos (1100 kcal), 15% de proteínas (300 kcal) e no máximo 30% (600 kcal) de gorduras, mas não é tão simples assim. Cada pessoa tem necessidades que são particulares a ela, ainda mais quando resolvemos considerar a idade, o nível de atividade física, o trabalho diário, a quantidade de gordura e musculo no corpo…não tem como sair generalizando.

Quer uma dica? Procure um bom profissional da nutrição e deixe que ele esclareça todas suas dúvidas. Alimentação e dieta nunca foram para restringir e eliminar o prazer de comer. Quer comer uma pizza de frango com catupiry? Coma! Quer comer um hambúrguer com cheddar? Coma também! E uma feijoada com couve e laranja no almoço de domingo com sua família? Coma sem problemas. Ao invés de ficar preocupado com as calorias, coma com prazer e compartilhe casos, histórias e a refeição, porque afinal, o que conta mesmo, é o que se faz de bom e se tem prazer pro nossos corpo e coração.

escritopor2evandro

Anúncios

2 respostas em “Contar Calorias Realmente Conta Alguma Coisa?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s