E a tapioca?

Vamos saber um pouquinho mais sobre a tapioca e porque está sendo tão consumida….

O nome tapioca é derivado da palavra tipi’óka «coágulo», o nome para este amido em Tupi; e pode referir-se tanto ao produto obtido da fécula quanto ao prato em si feito a partir dele. A tapioca é uma iguaria de origem indígena do norte do país, feita com a fécula – uma espécie de farinha semelhante ao amido – extraída da mandioca (também conhecida como macaxeira ou aipim). Ao ser espalhada em uma frigideira ou uma chapa quente, a tapioca coagula vira uma panqueca de tapioca.

Até a colonização do Brasil pelos portugueses, a mandioca era a base da alimentação dos povos tupis-guaranis e pouco após os primeiros anos de descobrimento, a tapioca já era servida como um bom substituto para o pão. Demais povos indígenas também passaram a consumi-la assim como os escravos no Brasil. Hoje a tapioca é um dos mais tradicionais símbolos da culinária no nordeste do país.
Ultimamente a tapioca está sendo muito consumida, e o que anda chamando mais atenção é o fato dela não conter glúten. Contém muito carboidrato. Não é muito nutritiva em termos de vitaminas e proteínas, mas é muito energética.
50g = 70kcal e apenas  1,6g de ptn
Assim, use a sua criatividade para rechear a sua “panqueca de tapioca” e torná-la mais nutritiva . Utilize queijos magros, carnes magras, vegetais como tomate, peixes como atum, dentre outros. Uma boa dica é fazer como se fosse uma massa de pizza, na frigideira mesmo, coloque em cima muçarela de búfala picada com tomate cereja picadinho, orégano e  um fio de azeite.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s