Quitutes : O queijo Reblochon

 

História:  No século XIV, os fazendeiros da Alta Sabóia, na França, eram obrigados a pagar elevados impostos sobre a produção de leite de suas vacas, e principalmente sobre a produção de queijos. Fiscais do governo iam até os produtores para verificar o quanto era produzido de leite e queijo. Para não pagar os impostos abusivos os fazendeiros, na presença dos fiscais, ordenhavam suas vacas apenas parcialmente. Quando o fiscal ia embora eles completavam a ordenha. O leite adicional, livre de impostos, era convertido em queijo para uso exclusivamente doméstico, denominado Reblochon, nome derivado da palavra reblocher, da Saboia, que significa reordenhar.
O Reblochon, que viveu na clandestinidade até o advento da Revolução Francesa, é atualmente um patrimônio cultural francês e desde 1976 está protegido por lei, que não só permite, mas também obriga que o Reblochon seja fabricado com leite cru, de acordo com as tradições da região. O Reblochon precisa ser fabricado na Alta Saboia ou nordeste da Saboia a partir de leite dos produtores locais e deve ser maturado pelo prazo de 4 semanas.
É apenas uma história, mas que demonstra que a harmonia entre tradição, sabor, saúde, sustentabilidade e legalidade é plenamente possível. A lei não precisa ser um castigo imposto a todos os produtores a partir das práticas inadequadas de alguns, como vem acontecendo no Brasil, especialmente com os produtores mineiros.  A lei é mero instrumento, e como tal, pode ser mais eficiente, tanto do ponto de vista da técnica legislativa, quanto das técnicas garantidoras da qualidade da saúde dos alimentos, bem como, da valorização das tradições locais. (Slow Food Brasil – As leis do queijo)
Sabor :  É amarelinho, tem a casca dura e o meio é cremoso. É bem gorduroso e combina bem com batatas. O prato tipico no qual esse queijo é usado chama-se tartiflette – um gratinado com bacon, batatas, o reblochon e creme de leite.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s