Conceito de Chocolate


Tirado de: Pequeno Dicionário de Gastronomia – Maria Lúcia Gomensoro

Alimento apreciado em todo o mundo, é elaborado a partir da fruta do cacaueiro, num processo bastante técnico. A palavra chocolate deriva do asteca xocolatil, que significava “água amarga”. A bebida asteca era realmente amarga e considerada um afrodisíaco. Por esta razão, Montezuma, rei asteca, tomava cerca de 50 xícaras por dia de uma mistura de cacau em pó, água, farinha de milho e mel. O cacaueiro é uma árvore nativa da américa do sul e do México, onde foi descoberto pelos espanhóis no século XVI. Levado para a Espanha, o chocolate faz sua aparição na Europa em 1580, onde rapidamente se difunde. As sementes do cacau, secas e meio fermentadas, são assadas e depois moídas. O chocolate é feito da gordura de cacau extraída das bagas moídas. O teor de gordura é determinante na qualidade do cacau. Assim, os chocolates mais caros são também os que tem mais alto teor de gordura. Como as bagas não são doces, é necessário que seja adicionado açúcar durante o processo de fabricação do chocolate. O cacau em pó também não contém açúcar.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s